in

Conheça as melhores séries de ficção científica para sair do tédio

Séries de ficção científica são ótimas formas de ver alguns temas de tecnologia que você estuda todo santo dia, só que aplicados em dimensões gigantescas. Por isso, é sempre muito divertido mergulhar nesses universos fantásticos cheios de computadores e equipamentos modernos.

Então, chegou a hora de acabar de vez com o seu tédio. Com essas dicas, vamos te ajudar a encontrar uma opção para passar o tempo. Prepare sua nave espacial e vamos começar a nossa jornada!

Como o gênero surgiu?

A ficção científica surgiu na literatura e foi desenvolvida por alguns autores que são reconhecidos até hoje. Naquela época, ainda no século 19, o gênero não falava de viagens no tempo ou espaciais, nem de outros elementos que ficaram comuns depois. O foco era uma veia mais gótica, sombria, que se relacionava com o horror.

A primeira obra do estilo é Frankenstein, de Mary Shelley, que provavelmente você já viu por aí em alguma versão para o cinema.

A partir daí tivemos uma longa jornada, com vários grandes autores como Júlio Verne, H.G. Wells, Arthur Clarke, Isaac Asimov, Philip K. Dick, entre outros. O estilo passou a abranger principalmente histórias com um fundo científico real ou imaginário, com viagens por outros planetas, aliens, monstros, distopias, robótica, teletransporte e habilidades paranormais.

Algo muito comum nessas obras do gênero é acompanhar o mundo e refletir o progresso científico. A década de 1960, por exemplo, foi marcada pela primeira vez que o homem pisou na Lua, mas também por 2001 — Uma Odisseia no Espaço, livro e filme que tratavam sobre a evolução humana e a conquista de outros planetas. Demais, né?

Quais as melhores séries de ficção científica para ver?

Sabemos que você quer saber logo quais as recomendações deste artigo. Vamos a elas!

Altered Carbon

Com elementos de cyberpunk e de distopia, Altered Carbon é uma série fortemente científica e filosófica, com muita ação e reviravoltas interessantes para te deixar entretido. A história se passa em um universo futurístico, no ano de 2384, no qual as pessoas têm a opção de transferir a consciência de corpo a corpo, ou seja, burlar a morte!

No mais, a parte cyberpunk da série envolve hackers fazendo coisas extraordinárias e muito de realidade virtual, ou seja, tecnologias empolgantes em ação. Confira o trailer!

3%

3% é uma opção interessante porque é a primeira produção brasileira da Netflix. A história é uma distopia na qual um grupo de pessoas mora em um local muito pobre chamado Continente, enquanto outro conjunto vive em um lugar melhor, o Maralto.

Todo ano existe um processo, um conjunto de provas, que seleciona os mais preparados para viver na melhor parte do mundo. Veja o trailer!

Dark

Considerada por muita gente como a “Stranger Things alemã”, essa série é realmente capaz de te deixar boquiaberto. Trata-se de um sci-fi thriller que começa com o desaparecimento de duas crianças e vira uma trama complexa que envolve viagens no tempo e as complicações disso. Confira o trailer.

Star Trek: Discovery

A queridinha do mundo nerd está de volta. Dessa vez, a história se passa na espaçonave Discovery e envolve uma guerra entre a Federação dos Planetas Unidos e os famosos Klingons.

Antes que você se pergunte: é mais ou menos uma década antes dos eventos da série original. A produção, assim como a franquia original, se encaixa no gênero Space Opera. Veja o trailer.

Orphan Black

Essa série canadense de distopia lida com a ideia dos clones e como eles se encaixam no nosso mundo moderno. A trama começa com a personagem principal testemunhando um assassinato. Depois de outros eventos, é levada a descobrir que é parte de um experimento científico. Confira o trailer.

Westworld

Uma das principais opções de séries de ficção científica da atualidade é a premiada Westworld, produção do canal HBO.

Inspirada no filme de mesmo nome dos anos 70, o seriado alterna entre o ponto de vista de vários personagens em um mundo futurista onde robôs com Inteligência Artificial habitam um parque de diversões inspirado no Velho Oeste e que mais lembra um game como GTA ou Red Dead Redemption.

No entanto, enquanto o criador daquele mundo começa a pensar em uma nova narrativa para o parque, algumas das inteligências artificiais começam a desenvolver consciência. Ficou curioso? Então confira o trailer da primeira temporada!

Black Mirror

Poucas séries de ficção científica conseguem manter o nível alto de qualidade como Black Mirror, criação britânica de Charlie Brooker.

Originalmente, a série começou a ser exibida no canal Channel 4, do Reino Unido, mas depois passou a ser um seriado produzido pela Netflix.

Ao contrário de outras séries da lista, Black Mirror não conta com uma trama só. Seu formato episódico lembra um pouco Twilight Zone: cada episódio tem uma história específica. Por isso, você pode assistir em qualquer ordem.

Em comum, todos os capítulos tratam do tema da interação entre a humanidade e a tecnologia, seus vícios e como ela afeta a nossa vida. Ou melhor: como nos define. Veja o trailer de uma das temporadas!

Rick & Morty

Achou que não teria espaço para animações na nossa lista? Mas claro que tem! O desenho Rick & Morty é produzido para o bloco de animações para adultos do Cartoon Network, chamado Adult Swim.

Originalmente criado como uma paródia do filme De Volta para o Futuro, o conteúdo acabou agradando e virou série.

A história gira ao redor de Rick Sanchez, um cientista excêntrico e alcoólatra, e Morty, seu neto de 14 anos de idade.

Eventualmente eles se envolvem em viagens no tempo, multiversos e muito niilismo. Uma das características mais interessantes da série é como eles conseguem adaptar conceitos complexos em episódios curtos e de maneira bem simples. Veja um trailer!

Love, Death & Robots

Se você busca séries de ficção científica que fujam do óbvio do gênero, a Love, Death & Robots pode ser a sua pedida.

O seriado conta com 18 episódios na sua primeira temporada, todos independentes. Por isso, você pode assistir em qualquer ordem.

A única “exigência” é que eles tenham os elementos no título da série: amor, morte e robôs.

Cada episódio é produzido por um time diferente, incluindo nomes como David Fincher (Clube da Luta, Seven) e Tim Miller (Deadpool), o resultado é bem diverso. Tem um episódio para cada público. Confira o trailer!

Doctor Who

Dá para listar séries de ficção científica sem falar da mais longeva de todas? Claro que não poderíamos deixar Doctor Who de fora da nossa seleção, né?

O seriado conta a história do Doutor, um Timelord (uma raça alienígena) capaz de viajar no tempo com a sua Tardis e uma ou mais companhias humanas.

O formato da série é episódico, o que significa que cada semana é uma aventura diferente, embora haja uma “trama da temporada”, por assim dizer. Além disso, a série conta com várias encarnações diferentes do Doutor, cada uma vivida por um ator ou atriz diferente (estamos na 13ª no momento!).

Isso facilita para quem quiser começar a ver. Basta pegar um ciclo de um dos Doutores e acompanhar a trama a partir dali. Assista a um trailer!

Com essas dicas, você já tem um conjunto de universos fascinantes para explorar. O interessante do gênero sci-fi é a sua amplitude e como até hoje as produções continuam diversas. Quem ganha é o espectador, certo?

E aí, curtiu essas dicas de séries de ficção científica? Então, compartilhe o post nas suas redes sociais e marque alguns amigos para maratonarem esses seriados com você!

O que vc achou?

0 points
Upvote Downvote

Escrito por Gabriel Vieira

Conheça os usos de machine learning, uma tecnologia revolucionária